10 Tendências Globais no setor de Tecnologia para 2019

26/12/2018

Trazemos hoje para você 10 tendências globais no setor de tecnologia para 2019, por Eric Jhonsa, colunista do The Street.

1)A tristeza do Facebook é a alegria da Google. 

Um ano difícil para Zuckerberg: se em mercados desenvolvidos a empresa sofre com ataques e regulações governamentais, a saída encontrada para incrementar a receita foi aumentar a venda de publicidade nos Stories e monetizar melhor os serviços do Messenger.

Aproveitando o momento ruim do concorrente, a Google, com sua fórmula simples de anúncios online, vem melhorando significativamente seus serviços - como a Google Assistente - e aumentando seu ROI (retorno sobre investimento). Sua maior concorrente, no setor de buscas e anúncios, é a Amazon.

2)Fabricantes de chips e empresas de software continuam ansiosas para se consolidarem no mercado.

Se não fossem os problemas relacionados à guerra comercial, 2018 teria sido outro ano para esse segmento. Se a tensão comercial sino-americana se acalmar, é provável que ocorra uma recuperação no setor, dado que os fatores para seu crescimento continuam saudáveis. Parcerias recentes, como IBM/Red Hat, SAP/Qualtrics, Adobe/Marketo e Salesforce/MuleSoft são um sinal do que vem por aí.

3) AWS (Amazon Web Service) assinará contratos empresariais gigantes.

O serviço em nuvem da Amazon trouxe em 2018 tudo o que as empresas precisam em questão de ferramentas para suas clientes. Contando agora com mais serviços de bancos de dados, e plataformas de computação, nenhum serviço ultrapassa a AWS em variedade. Embora Microsoft e Google ofereçam boas alternativas, a AWS deve estender sua liderança com grandes clientes.

4)Snapchat explora suas opções. Com Evan Spiegel mantendo a empresa independente, o Snapchat está entre o mal e o pior. Com a concorrência cruel do Instagram Stories, realizou-se apenas um lento progresso no aumento da receita em anúncios no aplicativo, enquanto o caixa da companhia continua a cair. Não é nada difícil imaginar que a empresa precise de uma parceria estratégica ou que seja vendida em 2019.

5)Novos negócios para a Waymo. O lançamento do serviço de carros autônomos em Phoenix é uma conquista impressionante. Com mais de 10 milhões de milhas rodadas em testes, a Waymo promete revolucionar o mercado - e suas concorrentes, GM Cruise e Tesla, ainda não trouxeram para o mercado resultados semelhantes. O braço sobre rodas da Alphabet, a Waymo promete novas parcerias com montadoras de veículos para 2019.


Na imagem: Waymo, o carro autônomo da Alphabet.

6)Apple Car e Realidade Aumentada?

Neste ano a Apple comprou a Akonia Holographics, fabricante de headsets de realidade aumentada, e contratou talentos do setor automotivo. Tudo isto aumenta os rumores de que em 2019 a companhia está preparando lançamentos de novos produtos nestes setores.

7)5G.

Além da Apple, que pretende esperar até 2020, todas as fabricantes de smartphones preveem o lançamento de um aparelho 5G para o próximo ano. Graças às mudanças na capacidade de alta frequência da rede, o 5G possibilitará um aumento significativo nas velocidades de download. Entretanto, assim como aconteceu com a implementação do 3G e 4G, os smartphones com a tecnologia enfrentarão desafios de duração de bateria e espessura do aparelho. Com as telas ultrapassando as seis polegadas, os telefones dobráveis, como o protótipo da Samsung deste ano, são uma promessa para 2019.

8)A "Computação Acelerada" atinge um ponto de inflexão.

No data center, a computação acelerada é a transferência de trabalho de processamento de CPUs para chips especializados com tarefas específicas, como GPUs, ASICs e FPGAs. Apesar de não ser um conceito novo, a adoção destes chips passa a ser a regra, com a NVIDIA já os adotando para alimentar supercomputadores e inteligência artificial. As concorrentes Broadcom e Xilinx também estão nesta tendência de mercado.

9)Google Cloud fará grandes aquisições.

Em terceiro lugar no mercado da computação em nuvem, a Google está muito atrás da 2ª colocada, a Microsoft Azure. E representa apenas uma fração da vitoriosa Amazon Web Services. Nos últimos dois anos, a Google adquiriu a fornecedora de software Apigee por 625 milhões de dólares. Com desenvolvedores lançando suas próprias plataformas, é um cenário favorável para a Google Cloud comprar a nova concorrência e se retirar do 3º lugar.

10)SSDs canibalizando os discos rígidos.

Os SSDs estão cada vez mais rápidos, menores, e mais eficientes. Consumindo cada vez menos energia, e cada dia mais baratos, os SDDs devem dominar o mercado de notebooks em 2019 - dado que a duração de bateria e peso do aparelho importam muito para estes usuários. Também não será surpreendente ver quer Microsoft e Sony devem adotar os SDDs como componentes principais em seus consoles.